Conteúdo inspirador sobre teoria em prática na educação ambiental direto no seu e-mail:

Entre em contato!

contato@fubaea.com.br

Acessibilidade: nosso site possui audiodescrição das imagens como texto alternativo ou em caixas de texto. Quando possível, incluímos janela de LIBRAS.

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Logo do FubáZINE
  • Mayla Valenti

SUA ESCOLA COM SUSTENTABILIDADE



Vamos compartilhar aqui alguns passos e considerações importantes para se pensar a sustentabilidade na escola: 1- primeiro passo para se pensar a sustentabilidade na escola é realizar um diagnóstico. Esse diagnóstico vai indicar quais são as potencialidades e os desafios para a escola ser sustentável. 2- é importante que o diagnóstico envolva toda a comunidade escolar. Isso porque cada pessoa tem uma visão e uma vivência diferente e tem uma contribuição única para oferecer. Essa é a magia da participação! 3- escolher um único tema para trabalhar inicialmente pode ajudar a simplificar a busca das soluções sustentáveis, por exemplo: áreas verdes, ou resíduos, ou água. O diagnóstico já pode ser direcionado a este tema específico. À medida que o processo for caminhando, outros temas podem ser trabalhados. 4- a partir do diagnóstico é preciso analisar a viabilidade das soluções para os desafios encontrados. Se as soluções envolverem modificações estruturais no espaço será preciso consultar alguém que seja profissional da área. Mas a própria comunidade escolar pode desenvolver soluções para questões mais simples, inclusive usando a criatividade e reaproveitando materiais. 5- Depois, é preciso estabelecer um plano de ação e ir colocando cada solução em prática de acordo com as prioridades levantadas pela comunidade escolar. 6- É importante dizer que o processo de diagnóstico em si já é educativo, mas o processo agregará mais sentido se todo o processo de implantação das soluções forem acompanhadas de atividades de educação ambiental. 7- Finalmente, o processo deve ser avaliado continuamente para identificar e sanar as dificuldades e para que os resultados sirvam de guias para as próximas ações.

#escola #EspaçoEducador #sustentabilidade #PráticasSustentáveis